Estudo da USP mostra que fachadas de vidro geram impacto ambiental

Na análise da pesquisadora, edifícios totalmente envidraçados chegam a consumir cerca de 25% a mais de energia do que aqueles com as fachadas tradicionais.
Professor Nestor Razente é responsável pelo estudo

Pesquisa da UEL aponta evasão populacional em 150 distritos do Paraná

Objetivo da pesquisa foi identificar distritos completamente abandonados no Estado, assim como ocorreu nas últimas décadas na Espanha, nos chamados pueblos.

Compartilhe ciência

1,261FãsCurtir
364SeguidoresSeguir
52,600InscritosInscrever