Artigo da USP discute igualdade em uma educação emancipadora

Artigo destaca que a igualdade é parte de “uma prática educacional como seu princípio político é uma condição para que as diferenças sejam enriquecedoras e não aniquiladoras."
Mulheres são maioria no ensino superior e, em especial, nas áreas de Serviços e Saúde

Pesquisa da UFU destaca participação feminina nos diversos níveis educacionais em Uberlândia

Mulheres apresentam índices melhores de formação na educação básica ao ensino superior, em relação aos homens. Também é notória a segmentação de gênero em algumas áreas do ensino superior.

UFSC leva informação para comunidades do Piauí

Estudantes voluntários de vários cursos buscam soluções que contribuam para o desenvolvimento sustentável de comunidades carentes e ampliem o bem-estar da população.

FMJ realiza palestra de conscientização sobre violência contra pessoas idosas

Evento ocorreu no dia mundial da Conscientização da Violência contra a Pessoa Idosa e teve como objetivo sensibilizar a sociedade prol do combate à violência.

FMJ leva informação para comunidades afastadas do Acre

Objetivo é capacitar os multiplicadores destes locais por meio de palestras, oficinas e dinâmicas de temas como saúde, educação e cultura.

Fateb e IFSP colaboram para ensinar matemática às crianças através de jogos

Projeto reuniu alunos do curso de Matemática, do IFSP, e de Pedagogia, da Fateb, para discutir e aprimorar o ensino da disciplina.

IFSC promove acolhimento e inclusão social a refugiados e imigrantes

Imigrantes recebem aulas de língua portuguesa e cultura brasileira para estrangeiros, obtendo informações sobre a legislação trabalhista e o sistema público de saúde.

Projeto que incentiva a leitura tem apoio da Unespar

Dia de leitura” passou a integrar o Projeto Político Pedagógico do colégio, consistindo-se em uma aula semanal exclusivamente para que os alunos leiam uma obra escolhida por eles mesmos na biblioteca.

Pesquisa da Ufal coleta dados sobre adoecimento de docentes

Carga horária excessiva, violência na sala de aula, baixa remuneração e não reconhecimento profissional, provocam o adoecimento de professores

Compartilhe ciência

1,251FãsCurtir
361SeguidoresSeguir
51,700InscritosInscrever