UFDG estimula a participação de mulheres nas áreas de Exatas

Várias acadêmicas relatam que já ouviram comentários desestimulantes, por parte da família e até mesmo na faculdade, por serem mulheres estudando computação. Segundo as estudantes, os encontros fortalecem sua auto-estima e sua força de vontade para seguir no curso.

Pesquisa do Instituto de Química da UERJ pode ajudar na solução de crimes

A pesquisa possui relevância para o setor de segurança pública, pois pode ajudar na solução de crimes. A pesquisa possui relevância para o setor de segurança pública, pois pode ajudar na solução de crimes.

Projeto do IFSul para estudantes com depressão participa de feira científica em Abu Dhabi

O projeto Phoenix desenvolvido por Paula e Aléxia consiste em uma plataforma para auxílio da comunicação de adolescentes com depressão.

UFF ganha prêmio internacional com pesquisa anti-tuberculose

A pesquisa testou moléculas derivadas da vitamina K contendo selênio para verificar sua atividade contra a tuberculose. O estudo realizado desde 2016 comprovou a eficiência do material testado no combate à doença.

Estudantes da UERJ lutam por visibilidade das mulheres na Ciência

É muito escasso o reconhecimento que as mulheres têm no campo da ciência. Por isso, torna-se tão importante a visibilidade para seu trabalho. Tal objetivo, de incentivar mulheres no ramo da Engenharia, foi o ponto principal para a criação do grupo Women in Engineering. 

Tecnologia desenvolvida na USP alerta moradores sobre enchentes

Pesquisa consiste em um sistema que não apenas detecta enchentes e o nível de poluição de rios, como pode avisar à população, via aplicativo de celular, sobre os eventuais riscos.

O envolvimento das mulheres no campo de pesquisa da UESPI

Segundo um estudo publicado em 2017 pela Elsevier, maior editora científica do mundo, nos últimos 20 anos a proporção de mulheres que publicam artigos científicos cresceu 11% no Brasil.

Estudo da Unesp avança no desenvolvimento da computação quântica

Pesquisadores observaram que, em sistemas chamados de semimetais de Weyl, a quebra de simetria temporal produz moléculas com a capacidade de codificar informações.

Pesquisadores da USP realizam mapeamento 3D da Caverna do Diabo

Mapeamento torna possível ainda fazer cálculos muito mais precisos de volume e área e permite também estudar áreas elevadas ou com desníveis muito grandes.

Estudos da UFMG comprovam versatilidade do nióbio

Elemento químico utilizado para dar resistência e leveza a ligas metálicas e a aços especiais, o nióbio é a base de composições farmacêuticas, desenvolvidas na UFMG, para tratamento de alguns tipos de câncer e etc.

Compartilhe ciência

1,251FãsCurtir
361SeguidoresSeguir
51,700InscritosInscrever