IF Baiano lança podcast para popularização da ciência

0
48

Dentro das atividades do mês nacional de Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações, o Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia Baiano (IF Baiano) lança um produto de comunicação de divulgação científica. “É uma mídia podcast que traz o conhecimento produzido pelo Instituto para o público externo com aprofundamento de conteúdos e em um tom mais explicativo”, declara Bianca Brito, jornalista e coordenadora do projeto.

O “Papo Ciência” traz uma série de programas de divulgação e jornalismo científico, durante o período de outubro de 2019 a março de 2020, com subtemas relacionados à “Bioeconomia: Diversidade e Riqueza para Desenvolvimento Sustentável”. Dentro do tema da SNCT (Semana Nacional de Ciência e Tecnologia)/2019, ele tem a ideia de agregar a produção científica do IF Baiano e de outras instituições, ou seja, apresentar os conteúdos criados em diferentes instituições e como eles podem conversar.

No primeiro episódio, as entrevistadas Calila Teixeira (pesquisadora do IF Baiano) e Alana Pacheco (pesquisadora da Universidade Estadual de Feira de Santana – UEFS) falam sobre “Segurança Alimentar e Nutricional”. “O IF Baiano tem uma grande representatividade quando se fala em segurança alimentar seja através dos cursos técnicos em alimentos e agroindústria, por exemplo, ou dos superiores ou das pós-graduações. Ele atua de maneira forte na relação entre o que eu faço em sala de aula, o que meu aluno está estudando e como ele está aplicando na comunidade onde está vinculado, fazendo Ciência e desenvolvimento social”, explica Teixeira.

Enquanto projeto de comunicação, apoiado pelo CNPq (Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico) e pelo MCTIC (Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações), ele apresenta à sociedade a Pesquisa do IF Baiano e de outras universidades, o que as pessoas estão discutindo e porque isso vai impactar depois no cotidiano. “É importante que as pessoas saibam o que as instituições estão fazendo e que entendam isso como patrimônio fundamental para o desenvolvimento econômico e para a melhoria de vida”, finaliza Brito.

Acesse Papo Ciência em:

Site 

Spotify

YouTube (com tradução de Libras)

SNCT

Fonte: Instituto Federal Baiano